Foto: Pinterest
Textos

Despedida, amor.

Amei-te tanto. Mas de repente deixaste de ser um laço para seres um nó em volta do meu pescoço. Este sufoco que me deixa sem ar, quase sem vida, quase sem mim e sem ti. Deixei de te procurar nas ruas da cidade e percebi que não queria voltar mais para essa casa que vivia nos teus braços. Mas tu vinhas e eu ia para longe de novo mesmo ao teu lado. Tremia cada vez que pensava em ti, talvez frio neste meu coração que te deixou faz tempo. Querias ficar e eu ia, mesmo sem querer, sem te informar. Partia para um lugar onde o ar fosse meu e não nosso.

Engraçado, como por ironia do nosso fado, o que tanto gostamos de fazer se dissipou na rotina e deixou de fazer sentido neste destino. Deixamos de querer as mesmas pessoas, os mesmos lugares, o som das mesmas canções. Reparamos nos lugares e esquecemos quem passou por lá. E aprendi que atrasávamos o passo um do outro. E que te melhorei de mais para agora ser teu defeito. E desfiz o laço para te deixar ir com um sorriso nos lábios, nem percebeste que seguiste uma direção diferente. Mas o amor também está nas despedidas. Ou fechas a porta e abres uma janela ou simplesmente ficas preso numa solitária envolta de ti mesmo. E em falta de sol, haverá sempre uma nova estrela para te fazer brilhar.

Não precisas de saber se chorei, espero que penses que foi fácil e sorri. Tive que te deixar ir e apaixonei-me de novo por ti no dia em que te deixei ir. E apaixonei-me de novo por ti no dia em que te vi feliz.

Olá, eu sou a Ariana e tenho 20 anos. Sou de Braga e frequento a universidade no Porto. A escrita não precisa de mim mas eu preciso de escrever. Desde daquele diário azul que tinha quando comecei a escrever na primária até aos dias de hoje a escrita foi acompanhando a minha vida. A escrita criativa e narrativa como área de conforto mas com as portas abertas a novas aventuras a escrita faz parte do quotidiano e do meu eu.

2 comentários em “Despedida, amor.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *